Home CORPORATE Com mercado imobiliário aquecido, loteadora lança dois empreendimentos no Pará e...

Com mercado imobiliário aquecido, loteadora lança dois empreendimentos no Pará e Bahia, com VGV de R$ 85,3 milhões

Campinas (SP) 30/3/2021 – Plano da Nova Cipasa para este ano prevê R$ 350 milhões em lançamentos em 2021

Apesar da crise sanitária e econômica, o setor imobiliário deve fechar 2021 com mais um ano de crescimento de vendas, segundo projeções do setor. Uma pesquisa realizada pela Deloitte, em parceria com a Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), confirmou a confiança dos empresários. De acordo com o levantamento, no segmento médio e alto padrão, as intenções de investimentos registraram alta de 91%.

Seguindo esta linha de otimismo do mercado, a Nova Cipasa, uma das maiores desenvolvedoras de projetos urbanos do país, tirou do papel dois investimentos – no Pará e Bahia – e a revitalização de um terceiro empreendimento, também na Bahia. Os dois novos loteamentos urbanísticos somam um Valor Geral de Vendas (VGV) de R$ 85,3 milhões, e um investimento de R$ 10 milhões para obras de melhorias. Presente em 21 estados, a Nova Cipasa projeta um total de R$ 350 milhões em novos lançamentos para este ano e R$ 2,5 bilhões até 2026.

A Nova Cipasa está ampliando sua presença em Parauapebas (Pará), com o laçamento do Reserva Alvorá Villagio, segundo empreendimento na cidade, com VGV de R$ 25,3 milhões e 440 unidades. As obras no empreendimento já foram iniciadas e encontram-se em estágio avançado, com previsão de entrega em 24 meses.

Em abril, a companhia lança a segunda fase do Vívea Camaçari, cidade de mesmo nome na Bahia. Com 228 unidades, o novo empreendimento terá VGV de R$ 60 milhões. Toda infra-estrutura do empreendimento foi concluída em 2018, e já está pronto para entrega.

O Diretor-Executivo da Nova Cipasa, Rogério Riquelme, explica que 2021 será um ano marcante para a Nova Cipasa, após o período de mudanças consolidadas pela nova gestão, que resultaram na retomada de lançamentos no final de 2020, com dois empreendimentos em Porto Alegre.

Neste primeiro trimestre, além dos dois lançamentos, a companhia está iniciando o projeto de revitalização do Verana Reserva Imperial, na cidade de Vitória da Conquista (BA), colocando o empreendimento no radar local de novas oportunidades de negócio. Em abril, a Nova Cipasa vai começar uma obra de construção de um sistema subterrâneo para o empreendimento o Cidade de Camaçari, com investimento de R$ 10 milhões.

Na cidade, o grupo apostou em obras de infraestrutura e revitalização completa dos espaços de compartilhamento do condomínio, oferecendo lotes comerciais de 845m² e residenciais a partir de 360m² que integram conceito, design, sustentabilidade e condições de alto padrão agora também com opções diversificadas de lazer em uma localização privilegiada.

O Diretor-Executivo da Nova Cipasa conta que o cenário atual é de um mercado aquecido, com baixa histórica na taxa de juros, facilidades de crédito e a alta na busca por residências e apartamentos, principalmente com área externa, impulsionada por uma nova lógica de consumo e necessidades, frente à pandemia.

“A tendência é de expansão das vendas, com oportunidades vantajosas para o segmento e também para as pessoas que buscam um imóvel – o que será revertido em dinamismo para a economia dos locais onde estão situados os empreendimentos”, afirma.

Com o mercado aquecido e novas tendências de moradia, a empresa prevê lançamentos e alavancada nos negócios. A automatização de processos, a utilização de drones nas obras, a redução de poluentes, o uso de energia limpa e renovável nos projetos e tecnologia de modelagem de informação da construção já são realidade na Nova Cipasa, e o intuito é que a evolução não esteja apenas nos acabamentos, mas na força transformadora de empreendimentos ajustados ao estilo de vida dos moradores.

Com mercado imobiliário aquecido, loteadora lança dois empreendimentos  no Pará e Bahia, com VGV de R$ 85,3 milhões

Website: https://cipasa.com/

Previous articleAtividades lúdicas na Educação Infantil: dicas para os pais
Next articleQuais são as vantagens de uma rede POL para empresas?