Home CORPORATE Mercado Franchising de Saúde, Beleza e Bem-estar cresce na pandemia

Franchising de Saúde, Beleza e Bem-estar cresce na pandemia



São Paulo – SP 3/11/2021 – A crescente busca por tratamentos estéticos pode impulsionar ainda mais o franchising da área de Saúde, Beleza e Bem-estar nos próximos mesesNo terceiro trimestre de 2021, o segmento apresentou alta de 21,2% em relação ao mesmo período do ano anterior; especialista traça um panorama da área e traz orientações para quem deseja investir no setor

O setor de franquias cresceu em plena pandemia de Covid-19. Segundo dados da “Pesquisa de Desempenho 2º Trimestre 2021”, realizada pela ABF (Associação Brasileira de Franchising), o faturamento do setor mostra forte recuperação quando comparado com o ápice dos efeitos da pandemia, no segundo trimestre de  2020. Comparado com o mesmo período de 2019, antes da pandemia, porém, o faturamento foi 4,6% menor.

Entre as áreas em destaque, o segmento de Saúde, Beleza e Bem-estar apresentou alta de 17,4% em relação ao segundo trimestre de 2019 e 21,2% em relação ao mesmo período de 2020.

Médica responsável pela área técnica da QuantumLife, rede de franquias que atua no setor, Dra. Letícia Fontes acredita que “a área cresceu nos últimos meses com a  decisão dos pacientes em aproveitar a quarentena para realizar procedimentos mais invasivos, além do redirecionamento de recursos que seriam utilizados para outros fins, como viagens e atividades sociais que foram restritas nesse período”.

Dados da Abihpec (Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos) revelam que os brasileiros dedicaram mais tempo – e dinheiro – aos cuidados pessoais durante o confinamento, o que levou a alta de 161,7% nas vendas de produtos de cuidados com a pele durante os dez primeiros meses de 2020, em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Paralelamente, a Dra. Fontes cita os dados da ABF, que demonstram que “o desempenho do segmento é melhor que a média do setor de franquias e só tende a crescer nos próximos anos”. Atualmente, pontua ela, “no mercado de franchising, a área de Saúde, Beleza e Bem-estar é a 2ª maior, com quase 20% de franquias”.

“Passada a fase mais crítica da pandemia, ainda estamos com uma demanda reprimida, que indica que a crescente busca por tratamentos estéticos pode impulsionar ainda mais o franchising da área nos próximos meses”, afirma.

Os desafios para a gestão de uma rede de franquias

Segundo a especialista, manter o padrão de qualidade da empresa matriz é o maior desafio para franqueadores de diversos segmentos, exigindo treinamento, controle de qualidade e padrão de comportamento.

“Gerenciar uma rede de franquias é desafiador para qualquer franqueador. O que difere as redes bem-sucedidas das demais são os manuais bem construídos, assim como a padronização da identidade visual da marca, os procedimentos operacionais, as plataformas on-line e a consultoria de campo permanente”, analisa.

A responsável técnica da QuantumLife destaca que há diversas opções de franquias no segmento, mas que os empreendedores que buscam investir na área devem pesquisar para encontrar a alternativa mais viável para o seu perfil.

“Após identificar uma franquia interessante, é necessário fazer uma análise de lucratividade. Além do mais, é preciso avaliar a experiência do franqueador e o suporte oferecido e verificar a saúde financeira da franquia e o cumprimento às exigências legais”, diz.

Em tempo, o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) destaca a importância do estudo da COF (Circular de Oferta da Franquia), documento desenvolvido pelo franqueador que apresenta as condições gerais do negócio, abarcando aspectos legais, obrigações, deveres e responsabilidades das partes. 

A Dra. Fontes cita, ainda, a Nova Lei de Franquias (Lei n.° 13.966/2019), sancionada em março de 2020, que revogou e substituiu a Lei nº 8.955/94, obrigando as redes que operam no país a revisar e atualizar seus instrumentos jurídicos e dados iniciais a serem transmitidas ao candidato à franquia.

“Na esteira de dois anos em que os cuidados e necessidade de saúde e segurança sanitária foram mais exigidos e consumidos, o segmento de franquias de Saúde, Beleza e Bem-estar faturou mais de R$ 35 bilhões em 2020 e há a tendência de alto faturamento em 2021. Os indicativos reforçam a viabilidade de investimento do setor, mas é preciso cautela para tomar uma decisão assertiva”, conclui.

Para mais informações, basta acessar: https://www.quantumlife.com.br/Franchising de Saúde, Beleza e Bem-estar cresce na pandemia

Website: https://www.quantumlife.com.br/

Previous articlePegada de carbono terá destaque na COP 26
Next articleBrenda Gomes leva o prêmio da melhor tatuagem do evento na 2ª Tattoo Week Online