A administração Obama quer investimentos de US$ 4 bilhões na elaboração de normas e políticas para facilitar o rápido lançamento de carros-robôs (self-driving cars, também chamados driverless cars – carros sem motorista).

A decisão, se tomada, será em âmbito federal. Isso garantirá leis nacionais consistentes e obedecidas em todo o país. O que há atualmente nos Estados Unidos é uma verdadeira colcha de retalhos de regulamentos em cada estado, aprovadas ou em processo de aprovação.

Empresários do ramo, como o dono da Tesla, Elon Musk, são constantes nas críticas ao atual quadro legal para veículos autônomos. O executivo cheou a twittar algumas vezes sobre os avanços do produto. Segundo ele, a tecnologia deve evoluir muito nos próximos dois anos e a lei atual não será capaz de acompanhar.

Sentido que algo possa dar errado e a dificuldade se tornar um problema, com conflitos entre a demanda dos consumidores, fabricantes e o sistema legal, o governo Obama criou o projeto de investimento. A proposta depende de…[MAIS]