Uma compilação de dados da empresa de consultoria e pesquisas de mercado Ovum mostra que a internet das coisas (IoT) está na mira dos investimentos de empresas de tecnologia. Entre os anos de 2011 e 2015 houve uma injeção de capital em startups dessa área que soma US$ 31 bilhões. Esse total é fruto de investimentos diretos e aquisições de empresas que mostraram projetos consistentes com a evolução da IoT.

A Ovum usuou dados de sua base Investment Tracker e rastreou 76 ofertas em oito setores, incluindo serviços de TI, wearables e carros conectados. “A Intel liderou essa iniciativa com US $ 16,7 bilhões e a aquisição da fabricante de chipset Altera, enquanto Verizon, Google e Qualcomm fizeram, cada um deles, com pelo menos uma aquisição de volores próximos aUS$ 1 bilhão no período em análise”, comentou Francesco Radicati, analista senior de Digital Service da consultoria, na apresentação do relatório.

O maior investimento único realizado no ano passado foi o de US$ 115 milhões, em uma rodada de série D em um provedor de banda larga de alta capacidade e especializado em Iot. O montante foi capitaneado pelo grupo Sigfox e por um conjunto de empresas que incluem Telefônica, NTT Docomo e SK Telecom.

A velocidade com que as companhias de TI tradicionais estão entrando na internet das coisas também foi destacado pela auditoria da Ovum. O número de aquisições aumentou de…[LEIA MAIS]