NOVIDADES

TomTom desenvolverá serviços de tráfego voltados para direção autônoma

TomTom desenvolverá serviços de tráfego voltados para direção autônoma

por 11 de julho de 2017 0 comentários

A TomTom, conhecida pelos seus equipamentos GPS, anunciou o desenvolvimento de uma tecnologia de tráfego para vias de alta velocidade como suporte à direção autônoma, para uma mobilidade mais inteligente.

Serão feitas pesquisas em colaboração com a Cisco para aproveitar ao máximo os dados capturados nas estradas pelo conjunto de sensores, roteadores e controladores administrados pela empresa e, assim, criar a próxima geração de tecnologia de informações de tráfego. A pesquisa combina os dados da Cisco com o conhecimento da TomTom, suportados pela plataforma de Internet das Coisas (IoT) da Cisco.

Um aspecto especialmente inovador dessa parceria é a utilização da tecnologia DAS – Sensores Acústicos Distribuídos, capaz de converter um cabo de fibra óptica em uma série de microfones virtuais que detectam e mensuram os movimentos dos veículos. Esses dados serão acoplados ao pool de FCD – Floating Car Data da TomTom, que determina a velocidade do tráfego a partir de mais de 500 milhões de dispositivos. Em seguida, serão mostrados e analisados no TomTom Traffic Pro, uma nova interface projetada especificamente para atender às necessidades dos Centros de Gestão de Tráfego.

“Com esse projeto, estamos conectando a infraestrutura viária, veículos, motoristas e autoridades rodoviárias, permitindo que compartilhem informações quase em tempo real. Essa é a função da Internet das Coisas. A TomTom – com seu conhecimento, e seu gigantesco banco de dados sobre tráfego e tecnologia inovadora – é uma empresa de peso para se trabalhar neste setor” afirmou Edwin Paalvast, Presidente de EMEAR na Cisco.

Essa pesquisa e desenvolvimento visa reduzir a latência e aumentar a precisão dos serviços de tráfego em tempo real, ajudando a reduzir os custos de infraestrutura e monitoramento de tráfego. Como, por exemplo, a instalação e manutenção da tecnologia DAS, que prometem ser bem mais em conta que os tradicionais sensores de laços indutivos. O objetivo desse projeto é desenvolver produtos melhores que suportem as exigências da direção autônoma em que os carros precisam saber o que encontrar além dos seus sensores em tempo real e em cada faixa de rodagem.

“Acreditamos firmemente que a Internet das Coisas e as tecnologias na nuvem sejam essenciais para o futuro da mobilidade e estamos empolgados por trabalhar com a Cisco no avanço da tecnologia de tráfego”, explica Anders Truelsen, Diretor Executivo de Licenciamento da TomTom.

 

 INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA

Nenhum comentário ainda

Seja o primeiro a comentar

Ainda não há comentários

Seja o primeiro a comentar

Seus dados estarão seguros!Seu e-mail não será publicado. Seu e-mail não será compartilhado com outras pessoas.