Home Tech Digital Maioria dos brasileiros vê vantagens em IA, mostra estudo

Maioria dos brasileiros vê vantagens em IA, mostra estudo



16/3/2022 – A IA permite uma gestão e comunicação conectada, integrada e disponível em qualquer lugar e em qualquer plataformaAnálise da Ipsos investiga relação dos brasileiros com Inteligência Artificial; para especialista, ferramentas de WFM devem utilizar IA para acompanhar o futuro do trabalho

Mais da metade dos brasileiros (57%) acredita que serviços e produtos que usam IA (Inteligência Artificial) trazem mais vantagens do que desvantagens. É o que demonstra um estudo realizado pela Ipsos para o Fórum Econômico Mundial, que entrevistou 19.504 adultos de forma remota, com idades entre 16 e 74 anos, de 28 países, entre eles o Brasil, entre os dias 19 de novembro e 3 de dezembro de 2021.

De acordo com o índice, o nível de confiança dos brasileiros em IA está à frente de cidadãos de países como a França (31%), Canadá (32%) e Holanda (33%). A pesquisa mostra que, na opinião de 51% dos participantes, produtos e serviços que utilizam IA desempenharam um papel importante para suas vidas nos últimos cinco anos. Para 61%, a modalidade deve gerar mudanças significativas nos próximos cinco anos, enquanto, para 65% dos entrevistados, o uso de IA torna a vida cotidiana mais fácil. 

Adelino Silva, Development Support Manager da SISQUAL WFM – , empresa de tecnologia e desenvolvimento de software de gerenciamento de força de trabalho -, observa que a confiança dos brasileiros em IA se deve ao fato de que, para além da esfera corporativa, as inovações estão presentes no dia a dia de grande parte das pessoas, seja a nível pessoal ou profissional.



“Quando fazemos uma pesquisa no Google, ou quando colocamos um destino no GPS, a IA já está incluída nessas soluções para nos ajudar. Estamos em uma era de muita informação. Por isso, para continuar a ter um papel relevante juntos aos seus clientes, as soluções tecnológicas não têm alternativa senão seguir esse caminho”, afirma.

Para o especialista, a IA não se limita a gigantes tecnológicos, mas consiste em uma transformação universal, na qual todos aqueles que querem continuar a existir deverão investir. “Com a quantidade de informação que, diariamente, gestores e colaboradores necessitam lidar, começa a ser humanamente impossível a tomada de decisões fundamentadas sem o apoio da IA. Empresas que iniciaram esse caminho há algum tempo já veem o resultado positivo da decisão”.

Ferramentas de WFM apostam em IA

De acordo com Adelino Silva, as soluções de WFM, já há algum tempo que têm investido na incorporação da Inteligência Artificial como forma de ajudar e apoiar na tomada de decisão. Sendo um domínio aplicacional complexo, como é o da gestão de pessoas, o universo aplicacional do WFM tem muito a ganhar com a adoção da IA.

“Como exemplo comparativo, podemos pensar no domínio da automação industrial, onde planejar o processo fabril necessita de menos variáveis tornando o seu planeamento menos

complexo. Se falamos de uma linha de produção com máquinas e robôs que podem operar 24 horas por dia, 365 dias por ano, podemos resumir o planeamento à gestão dos processos de controle do fluxo de matérias-primas para manter a linha de produção em pleno funcionamento e gerir o plano de manutenção da linha de produção”, explica.

Por outro lado, continua, quando se fala da gestão de pessoas em uma organização, o cenário muda radicalmente, pois é preciso lidar com um número de variáveis muito superior. “Gerir pessoas não é apenas resolver uma equação entre disponibilidade versus necessidade: é muito mais, como gerir os limites impostos pelas leis laborais e o equilíbrio necessário entre a vida profissional e pessoal de cada colaborador, garantindo que o planejamento das atividades de cada pessoa não irá  impactar no produto ou serviço oferecido ao cliente, entre outros pontos”.

Ainda segundo o Development Support Manager da SISQUAL WFM, os processos de Inteligência Artificial aplicados em ferramentas de WFM ajudam a planear escalas de trabalho e dispensam o risco de ultrapassar os limites legais na gestão do trabalho.

Tendências de IA acompanham o futuro do trabalho

“Hoje vivemos em um mundo conectado e, por força da pandemia, a necessidade de mobilidade e conectividade aumentou e acelerou”, afirma o especialista. “Por este motivo, a gestão do trabalho vem sofrendo mudanças radicais, o que faz com que as soluções tecnológicas acompanhem essa evolução”.

O trabalho em regime híbrido, que combina as modalidades presencial e remota, ou apenas a distância, leva ao aumento da complexidade da gestão da força de trabalho, analisa Adelino Silva. “Hoje, a força de trabalho pode estar geograficamente dispersa em vários pontos do planeta, com diferentes fusos horários, legislações laborais, culturas, idiomas distintos e níveis de qualificação diferenciados”, expõe. “Neste cenário, a gestão do aumento da complexidade torna-se possível graças à aplicação da IA nas soluções tecnológicas”.

Para concluir, ele destaca que uma solução de WFM possibilita, entre outras inovações, que os colaboradores venham a escolher os horários que preferem para equilibrar a vida profissional e pessoal e avaliar o nível de execução das tarefas planeadas e associadas a cada colaborador de forma objetiva. “Além de tudo, a IA permite uma gestão e comunicação conectada, integrada e disponível em qualquer lugar e em qualquer plataforma, o que está alinhado com as perspectivas para um futuro com liberdade e tecnologia”.

Para mais informações, basta acessar: https://www.sisqualwfm.com/Maioria dos brasileiros vê vantagens em IA, mostra estudo

Website: https://www.sisqualwfm.com/

Previous articleWFM facilita a gestão de Recursos Humanos, diz especialista
Next articleEmpresário lista passo a passo para começar um novo negócio