Os cuidados básicos que todos devem tomar para evitar a contaminação do novo coronavírus vão além do uso do álcool em gel nas mãos e o isolamento. [read more=”Continuar lendo…” less=”Menos”]

Em tempos de quarentena, todos não largam seus smartphones, a maneira mais fácil de se ter contato com a família e amigos. Por isso deve-se levar em consideração a higienização correta de todos os objetos tocados no dia a dia, entre eles, o próprio smartphone.

Segundo pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo (FGV-SP), o Brasil tem hoje dois dispositivos digitais por habitante, incluindo smartphones, computadores, notebooks e tablets.

Entre os aparelhos, o uso de smartphone se destaca: são 230 milhões de celulares ativos no País. Para ajudar a conter o grande índice de contaminação, separamos algumas dicas sobre como fazer a limpeza correta do seu aparelho e combater o coronavírus. Acompanhe:

Realize a limpeza com o aparelho desligado
A umidade dos produtos usados para a limpeza pode se infiltrar no celular e danificar seus circuitos eletrônicos, causando grandes danos.

Use álcool isopropílico 70%
O álcool isopropílico com concentração de 70% tem maior efeito bactericida. Não é recomendável submergir ou jogar diretamente o produto no aparelho. O ideal é aplicar com um pano macio.

Use somente panos que não soltem fios
Microfibra é o material mais recomendado para evitar acúmulo de fiapos no do celular.

Higienize as capinhas
Se elas forem de plástico, silicone ou material semelhante, basta lavar com água e sabão e deixar secar. Outros materiais, como couro, devem ser higienizados com produtos específicos.

Esses passos devem ser feitos diariamente e, apesar de o indicado ser não entregar o celular na mão de outra pessoa, caso isso ocorra, repita o procedimento imediatamente.

 

[/read]

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA
Aprenda a limpar seu smartphone para se proteger do coronavírus

 

Veja também
Atenção com esses 5 cuidados para um verão mais saudável
Concurso global premia projetos de moda sustentável
Sou Rio Sustentável promove retirada de pichações das pedras do Arpoador