A Câmara Espanhola de Comércio no Brasil, lança nos dias 23, 25 e 26 de abril, em São Paulo, Rio de Janeiro e Recife, o Guia Como Fazer Negócios na Espanha. [read more=”Continuar lendo…” less=”Menos”]

Em sua primeira edição com capítulos dedicados às áreas de Acordos Bilaterais entre Brasil e Espanha, Compliance e Lei Anticorrupção, Distribuição de Dividendos e Repatriação de Investimentos, Financiamento e Crédito, Incentivos Fiscais, Investimentos em Madri, Relações Governamentais, dentre outros, o novo guia detalha as particularidades da legislação espanhola que costumam intrigar empresários e investidores que vêm de fora, o manual tem como objetivo facilitar a compreensão das empresas que desejam fazer negócios no país.

Em parceria com o Ministério de Indústria, Comércio e Turismo do Governo da Espanha e a Câmara de Comércio Brasil-España, a Câmara Espanhola promoverá nas três cidades uma agenda dinâmica focada na disseminação de oportunidades de negócios no país, cujo os principais motes serão:

Painel: Espanha, porta de acesso à Europa para as empresas brasileiras, no qual serão apresentados apoios, subsídios e incentivos oferecidos pelo governo espanhol às empresas brasileiras e aos empreendedores que tenham interesse em internacionalizar-se, e o Painel: Panorama econômico, internacionalização de empresas e soluções financeiras para negócios internacionais, apresentando as vantagens econômicas e possibilidade de financiamento.

“A proposta deste guia é dar suporte tanto para as grandes empresas brasileiras, como também para as pequenas e médias que queiram se internacionalizar. O objetivo principal deste manual é dar ao empresário, uma leitura prática e objetiva de como fazer negócios na Espanha, auxiliando-os durante todo o processo de estruturação no país”, afirma Alejandro Gómez, diretor executivo da Câmara Espanhola de Comércio no Brasil.

A primeira edição do guia possui as versões em português e espanhol e estará disponível para acesso através do site.

Os capítulos abordam também temas variados de interesse dos futuros investidores como: Arbitragem como mecanismo de solução de conflitos, Constituição de sociedades e formas societárias, Falar espanhol, um propulsor de negócios na Espanha, Reestruturação societária e aquisição de empresas, Regime trabalhista, Seguros de garantia e crédito, Tributação de sociedades e de indivíduos, Tributação internacional e preços de transferência, escritos por companhias associadas e parceiras da Câmara Espanhola, especializadas em cada assunto abordado.

 

[/read]

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA

Veja também
Revolução na Ferrari: sai Arrivabene entra Mattia Binotto
Pesquisa mostra que brasileiro costuma planejar viagem com pouco tempo de antecedência
Vem aí o principal evento de negócios digitais do país