Monitor

A qualidade da imagem de uma tela influencia na experiência do usuário de um desktop! [read more=”Continuar lendo…” less=”Menos”]

Pensando nos diferentes perfis de consumidores que utilizam o monitor para trabalhar, jogar ou assistir a filmes e séries, e nos parâmetros que interferem no desempenho de um display, nós reunimos – com a colaboração da Samsung – cinco dicas para ajudar a escolher o melhor equipamento para o seu dia a dia.

Confira:

1 – Tamanho da tela
Essa é uma questão muito pessoal, depende muito do espaço destinado ao monitor e seu uso. Em uma busca rápida, listamos modelos que vão desde 19″ a incríveis 49″. Para quem vai desempenhar atividades específicas, como edição de vídeo e imagem ou tarefas que exijam a divisão de telas, uma excelente opção é o monitor com tela de 30” ou maior.

2 – Resolução
Quanto maior a resolução maior será o número de pixels, e com isso o monitor terá uma maior nitidez e, consequentemente, melhor a definição da imagem. Uma das maiores resoluções que encontramos foi a de 3840 x 2160 pixels – quatro vezes maior que o Full HD! Normalmente resoluções altas assim são mais usadas por profissionais exigentes que atuam com edição de fotos e vídeos e necessitam de telas que entregam excelente qualidade de imagem.

A escolha da resolução da tela está realmente relacionada a necessidade de uso do monitor. Para aqueles que precisam de um monitor versátil para desempenhar quase todas as tarefas, incluindo assistir filmes e jogar, o recomendado é optar por uma tela com resolução Full HD, capaz de atender bem todas as atividades.

3 – Formato
Tela curva ou widescreen? Na verdade, essa é uma pergunta que muitos consumidores se fazem na hora da compra. O display widescreen são as telas na proporção 16:9. A sensação que se tem ao ver uma imagem captada e exibida nesse formato é a de uma visão panorâmica da cena. Já os monitores de tela curva oferecem um grande campo de visão e uma experiência mais imersiva ao conteúdo.  Monitores de tela curva são ideais para quem quer assistir a vídeos, gamers e para o público de designers por oferecer imagens, em muitos casos, em maior resolução.

4 – Tempo de resposta
Essa é uma função que define a velocidade em que a luz passa pela tela. Quanto menor o tempo de resposta melhor será a visualização das cenas. Ele garante que as imagens não fiquem borradas durante as cenas de ação, permitindo ao consumidor visualizar todos os detalhes. O ideal é o monitor que ofereça um milissegundo de tempo de resposta, a menor marca possível atualmente.

5 – Conexões
As entradas para conectores costumam ser algo que passa despercebido pelos usuários no momento da compra, mas quem costuma conectar diversos aparelhos na tela deve ficar atento às entradas disponíveis no monitor. O modelo de conector mais comum atualmente é o HDMI, que além de oferecer qualidade de imagem digital, também tem a vantagem da transmissão do sinal de áudio.

Outra entrada importante que deve ser verificada no momento da compra é a para fones de ouvido. Os gamers sabem o quanto é importante ter uma entrada para conectar o fone de ouvido e apreciar a melhor experiência.

“Esperamos que dicas simples como essas sejam eficientes para ajudar o consumidor a escolher o monitor Samsung que melhor atenda as suas necessidades. Desta forma, pretendemos colaborar para uma experiência única seja com o uso da tela com foco no entretenimento ou no ambiente de trabalho”, afirma André Faria, gerente de produto da divisão de Monitores da Samsung Brasil.

 

[/read]

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA
Cinco dicas para quem quer comprar um monitor

 

Veja também
Samsung abre inscrições para o Programa de Estágio 2018
Samsung apresenta novas TVs QLED no Brasil
Samsung apresenta novo portfólio de notebooks no Brasil