Reduzir o consumo de água é importante para equilibrar as finanças domésticas, sobretudo neste momento em que grande parte das famílias está permanecendo mais tempo no lar. Além disso, é uma atitude cidadã e de respeito ao meio ambiente. Edson Suguino, engenheiro da Lorenzetti, dá quatro dicas práticas que podem ser adotadas em casa.

Acompanhe:

Um banho consciente
Facilmente encontrada no mercado, as duchas com redutor ou restritor de vazão economizam até 80% de água. O dispositivo também pode ser adquirido para instalação em duchas diversas.

Economia ao alcance das mãos
A higiene das mãos é fundamental para a saúde das pessoas, por isso, as torneiras de fechamento automático são alternativas muito recomendadas. “Podemos encontrar no mercado opções que oferecem de 50% a 70% de redução no consumo, e tecnologias diferenciadas, como o sensor eletrônico, que permite a abertura e fechamento do fluxo de água sem contato das mãos com a torneira”, explica o especialista.

Transformando a torneira
É possível tornar qualquer torneira comum em ecoeficiente. Basta instalar o dispositivo economizador. Suguino reforça que “a instalação é fácil e pode ser feita em todos os modelos de torneiras e misturadores de mesa disponíveis no mercado, permitindo 50% de redução no consumo de água, com a possibilidade de até 70%, de acordo com a regulagem e a pressão da água no local da instalação”.

Descarga coerente
O mecanismo de caixa acoplada da bacia, presente em milhares de lares brasileiros, pode ser facilmente substituído pelo modelo de duplo acionamento. A versão simples ou single libera em torno de 6 litros de água por descarga. Porém, o modelo duo flow conta com dois tipos de acionamento, de 3 e 6 litros, garantindo economia de até 50% no consumo a cada descarga.

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA

Quais os cuidados com os cães no verão?