Neatsun ZiV, vice-presidente de Prevenção de Ameaças da Check Point Software Technologies, fala nesta entrevista exclusiva sobre onde as vulnerabilidades de segurança são hoje e no futuro mais vulneráveis.

IoT, dispositivos móveis, carros conectados e futuramente os autônomos são os alvos mais visados e o elo mais fraco da cadeia é sempre o ser humano.

Porém, em sua palestra no evento Check Point Experience, afirmou o seguinte: “Na luta permanente contra o malware, a inteligência contra ameaças e ataques e os recursos de resposta rápida são fundamentais. Ajudar a manter as organizações funcionando com inteligência abrangente para interromper proativamente as ameaças e os ataques, gerenciar os serviços de segurança para monitoramento da rede e responder rapidamente a incidentes e resoluções de ataques é nosso principal objetivo.”, diz.

Veja agora a entrevista – que está em inglês -, deixe seu LIKE, seu comentário e inscreva-se no canal.

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA
Entrevista: A prevenção contra ataques cibernéticos é a melhor estratégia