Juntar dinheiro é um objetivo comum para muitas pessoas. Seja para um projeto pessoal, reformar a casa no futuro ou planejar a carreira dos filhos, sua poupança pode lhe ajudar a atingir um objetivo financeiro maior no futuro. [read more=”Continuar lendo…” less=”Menos”]

O que acontece, infelizmente, é que a educação financeira, em geral, é oferecida a poucas pessoas.

Uma matéria do Valor Econômico enfatiza, inclusive, que a falta de educação financeira das populações afeta não só os indivíduos, mas também os Bancos Centrais. Para se ter uma ideia, segundo dados do Banco Mundial, apenas 3,64% da população brasileira economiza para a aposentadoria.

Esse é um problema, evidentemente, estrutural. Pouco ou nada se é abordado no ensino básico, por exemplo, no que diz respeito à relação com o dinheiro e as finanças, e da importância de se fazer uma poupança. Para muitos é tabu falar sobre dinheiro gasto, investido e poupado. Nesse cenário, o que muita gente tem feito é educar-se por conta própria.

Uma forma inusitada de se fazer isso, mas muito eficiente, é por meio de jogos. Vale lembrar que, na atualidade, os games já se tornaram um fenômeno cultural e têm sido utilizados por instituições de ensino para ajudar crianças com dificuldade de aprendizado.

Da mesma forma, cada vez mais pessoas utilizam essa ferramenta para se educar em relação ao dinheiro e aos gastos. É uma maneira lúdica e, ao mesmo tempo, didática de simular situações reais que requerem raciocínio e inteligência econômica dos jogadores. Confira alguns jogos que podem te ajudar nessa jornada.

Money Race 2
Esse jogo de celular, disponível apenas para Android, apresenta situações que simulam transações reais com dinheiro ao jogador. É possível investir em imóveis, fazer aplicações, empréstimos e muito mais. O objetivo é que o gamer consiga ter um saldo positivo de dinheiro, fazendo seu capital render.

Tá O$$O
Focado no público infantil e adolescente, o jogo de celular Tá O$$O foi lançado pela Associação de Educação Financeira do Brasil (AEF). Nesse game, disponível tanto para Android, quanto para iOS, os personagens são cães que precisam tomar decisões importantes com relação ao consumo e à economia.

Um diferencial desse jogo é que, mesmo relações de troca, são possíveis. Dessa forma, o jovem jogador consegue assimilar, de fato, do que se trata esse processo e começa a enxergar o dinheiro como uma ferramenta facilitadora dessa transação.

Vida Financeira
Esse jogo oferece uma perspectiva mais ampla em relação à economia pessoal. Além de abordar a poupança como algo essencial para a aplicação da educação financeira no dia a dia, ele introduz a importância de manter o bem-estar no presente ao jogador.

League of Legends
Famoso jogo de estratégia, o League of Legends, ou LoL, como também é amplamente conhecido, pode ser um aliado para públicos adultos simularem administração financeira. Isso porque as moedas adquiridas pelos desafios do game podem ser usadas para melhoramento.

Idealmente, o jogador com uma boa estratégia prefere poupar ao longo da jornada para adquirir itens melhores em vez de gastar as moedas assim que as recebe.

Bate-bola Financeiro
Futebol e finanças tem muito a ver, e o jogo Bate-bola Financeiro explora isso de forma brilhante. Disponível on-line, ele dispensa qualquer tipo de download. O game funciona como uma espécie de quiz que testa seus conhecimentos para que você avance de fase.

A primeira etapa apresenta um material especial para que você estude a parte teórica do jogo antes de iniciá-lo de fato. As fases posteriores apresentam uma série de perguntas sobre o texto estudado. É possível, ainda, escolher o grau de dificuldade do jogo: iniciante, intermediário ou profissional.

 

[/read]
 

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA
Games aliam-se a educação financeira para ensinar jogadores a poupar

 

Veja também
Brasil Game Show de 2020 é oficialmente adiada
LG apresenta novo Monitor UltraWide Gamer
Ensino universitário e mercado de trabalho: mind the gap