O período mais famoso de descontos no ano está se aproximando, e para entender qual a expectativa dos viajantes brasileiros em relação à compra de passagens aéreas, o Skyscanner realizou pesquisa com mais de 2 mil usuários da sua plataforma. [read more=”Continuar lendo…” less=”Menos”]

Entre os destaques está a intenção de compra dos viajantes por passagens aéreas na Black Friday, com 88% do interesse. Uma curiosidade é que, quando questionados se já compraram voos nesta data, 65% disseram que nunca e 22%, fizeram uma busca, mas não concretizaram a compra. O grande vilão para 74% dos usuários foi o preço, que parecia não ser promocional.

Outro dado interessante é que 32% pretendem gastar na compra da passagem aérea mais de R$1.100. Entre os viajantes que planejam comprar passagens, 63% já tem destinos definidos, enquanto 30% decidem de acordo com o melhor preço. Quanto ao destino, 27% selecionarão na busca tanto destinos nacionais quanto internacionais, enquanto 34% preferem os locais no exterior e 31% os domésticos.

Como expectativa, 57% dos viajantes esperam descontos entre 40 e 60% para a Black Friday, em contrapartida, 56% acreditam pouco que as promoções sejam realmente vantajosas, um traço do perfil do consumidor brasileiro de ser desconfiado e receoso quanto às fraudes e propagandas enganosas.

“Para evitar qualquer problema, o mais recomendado é que o viajante se programe com antecedência e se familiarize com os preços habituais para não cair em armadilhas. A plataforma possui uma ferramenta ideal para isso chamada Alerta de Preços, que a partir das datas da viagem definidas, ele cria um alerta gratuito para receber por e-mail ou celular diariamente as variações de valores e assim monitorar os aumentos e principalmente as reduções de tarifas”, comenta Tahiana Rodrigues, gerente de comunicação do Skyscanner.

Dicas para o viajante encontrar passagem aérea barata:

– Sempre compare datas diferentes nas suas buscas. Dependendo do destino, você pode ver uma diferença grande de preços entre voar sábado ou sexta-feira, na terceira ou última semana do mês.

– Viajar na baixa temporada é sempre mais em conta do que nos meses de férias e isso é válido tanto para passagens como para hotéis e carros.

– Se possível, seja flexível e considere voar para aeroportos alternativos. Geralmente esses aeroportos são um pouco mais afastados, mas a diferença de preços pode valer a pena.

– Considere voos com escalas. Na maioria das vezes, voos diretos são mais caros. Uma boa alternativa é escolher companhias aéreas diferentes para os voos de ida e volta.

– Acompanhe os preços. Estudos confirmam que uma das melhores formas de encontrar uma passagem aérea em promoção é acompanhar as variações das tarifas. O mais indicado é fazer este acompanhamento nos meses anteriores da partida e comprar quando achar que o bilhete está no preço desejado ou que caiba no seu bolso.

– Para viagens em feriados, uma sugestão é pesquisar lugares que possuem uma quantidade razoável de voos, com diversos horários e cias aéreas (pluralidade de rotas) e, consequentemente, preços mais convidativos

 

*Pesquisa realizada no site do Skyscanner com mais de 2 mil usuários entre os dias 22 a 28 de outubro de 2019

 

[/read]

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA
Pesquisa revela que 88% dos viajantes pretendem comprar passagens na Black Friday

 

Veja também
Conheça 4 vantagens de agendar uma viagem por aplicativo
Confira mitos e verdades sobre a saúde de seus olhos
Quatro mitos sobre saúde bucal e o consumo de chocolate