Home CORPORATE Mercado Senado avalia PL para aumento do salário mínimo de dentistas

Senado avalia PL para aumento do salário mínimo de dentistas



Tramita no Senado Federal um PL (Projeto de Lei) que aumenta o piso salarial de médicos e cirurgiões dentistas. O PL 1.365/2022, apresentado pela senadora Daniella Ribeiro (PP-PB), propõe que o salário mínimo desses profissionais seja fixado em R$ 10.991,19 para a jornada de trabalho de 20 horas semanais.

O texto também prevê aumentar, em pelo menos 50%, o valor do adicional de horas extras e noturno: “a remuneração da hora suplementar não será nunca inferior a 50% à da hora normal” e “o trabalho noturno terá remuneração superior à do diurno e, para esse efeito, sua remuneração terá um acréscimo de 50%, pelo menos, sobre a hora diurna”, conforme publicado pela Agência Senado.

O PL aguarda a designação de relatoria e deve alterar a Lei 3.999/1961. Segundo a Dra. Cláudia Starling, responsável por uma clínica que presta serviços de saúde e estética facial e bucal, o projeto de lei recentemente protocolado no Senado, que prevê um aumento no salário mínimo de médicos e cirurgiões-dentistas, não se trata de uma demanda antiga dos profissionais de saúde.

“Ainda hoje, se este aumento fosse o dobro, estaria defasado do mesmo jeito. O poder de compra está cada vez menor e sentimos o empobrecimento com relação à procura geral, motivo pelo qual o aumento deveria ser, no mínimo, 70% maior”, afirma.



Com relação às expectativas em relação à aprovação do projeto e às possibilidades reais do PL caminhar com sucesso no Congresso, Dra. Cláudia Starling destaca que os profissionais da área de saúde bucal esperam ser mais valorizados.

“A saúde bucal é uma área muito importante na vida do ser humano, já que uma boca saudável é sinônimo de uma boa qualidade de vida em geral”, afirma.

Segundo dados da Abimo (Associação Brasileira da Indústria Médica, Odontológica e Hospitalar), cerca de 12 milhões de brasileiros procuram ir ao dentista em busca da melhora da saúde bucal e da autoestima.

O Brasil conta com cerca de 336.160 cirurgiões-dentistas e 330 mil dentistas formados no país, segundo informações da CFO (Conselho Federal de Odontologia) divulgadas em 2021. Apesar disso, mais da metade (55%) dos brasileiros não vão ao dentista uma vez por ano, conforme é recomendado, segundo dados levantados pelo Ministério da Saúde em parceria com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Senado avalia PL para aumento do salário mínimo de dentistasSenado avalia PL para aumento do salário mínimo de dentistasSenado avalia PL para aumento do salário mínimo de dentistasSenado avalia PL para aumento do salário mínimo de dentistasSenado avalia PL para aumento do salário mínimo de dentistasSenado avalia PL para aumento do salário mínimo de dentistasSenado avalia PL para aumento do salário mínimo de dentistasSenado avalia PL para aumento do salário mínimo de dentistas

Previous articleEnsino à distância oferece novas possibilidades a estudantes brasileiros
Next articleComo perceber os sinais de uma boa rinoplastia
Diretor de Conteúdo do Portal Vida Moderna