Home Notícias Corporativas SmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípios

SmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípios



O modelo de parceria público-privada (PPP) é um dos principais instrumentos para a viabilização de projetos de cidades inteligentes no país. Gestores públicos e executivos de empresas líderes de tecnologia compartilharão os resultados dessa experiência em diversas realidades urbanas no congresso SmartCities Mundi, que acontece de 20 a 22 de junho em formato totalmente virtual. A inscrição é gratuita.

Entre os casos de sucesso que serão apresentados no evento, destaque para a iniciativa de PPP implantada em Carmo do Cajuru (MG), município que se tornou referência internacional no desenvolvimento de cidades inteligentes fora dos grandes centros urbanos.

Eficiência energética e segurança integrada

Localizada a 112 quilômetros de Belo Horizonte e com população em torno de 22 mil habitantes, Carmo do Cajuru recentemente foi reconhecida pela ONU por seu projeto de PPP para a modernização dos sistemas públicos de iluminação e energia municipais. A parceria, firmada com o consórcio GSE Luz, foi responsável pela instalação de lâmpadas LED em 100% da iluminação pública e pela construção de uma usina fotovoltaica de 1,02 MW de potência, capaz de abastecer com energia limpa todos os edifícios públicos da cidade. O projeto também contempla o fornecimento de wi-fi gratuito em praças e a integração de uma rede de videomonitoramento ao sistema da Polícia Militar.

Nordeste inteligente

Em parceria com o governo do estado, o projeto Piauí Conectado tem como principal meta a implantação de pontos de internet de fibra óptica em órgãos da administração estadual e espaços públicos de todos os 224 municípios, tornando o Piauí o único estado brasileiro 100% conectado por uma rede única. Além disso, a iniciativa envolve ações com outras empresas, como os cursos promovidos pela Cisco Academy, que capacitam alunos de escolas públicas nas áreas de tecnologia.

Outro destaque de PPP no Nordeste é o Cidade Empreendedora, iniciativa do Sebrae que conta com o apoio do governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet). O objetivo do projeto é transformar os 60 municípios cadastrados no programa em cidades inteligentes até o fim de 2022. Entre as ações previstas estão a desburocratização, urbanização planejada, educação empreendedora, redução da desigualdade, aumento da renda e geração de empregos dentro de um modelo ambientalmente sustentável.

O congresso também destaca o lançamento do movimento Open 5G @ Campinas. A iniciativa – parceria da prefeitura de Campinas, CPQD, Embrapa, Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), Unicamp, PUC Campinas e TIM – tem o objetivo de inspirar outras regiões do país e impulsionar o ecossistema brasileiro de inovação voltado à tecnologia 5G.

O SmartCities Mundi é uma realização do portal Tele.Síntese em parceria com o Fórum das Américas. O formulário de inscrição e a programação do evento estão disponíveis no site:

https://www.eventos.momentoeditorial.com.br/

* Texto publicado originalmente em https://pimenta.com/smartcities-mundi-traz-casos-de-cidades-inteligentes-em-pequenos-municipios/

SmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípiosSmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípiosSmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípiosSmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípiosSmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípiosSmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípiosSmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípiosSmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípiosSmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípiosSmartCities Mundi apresenta cases de cidades inteligentes em pequenos municípios

Previous articleCresce a busca por rinoplastia no Brasil: especialista fala sobre o procedimento
Next articleEmpreendedorismo: boa estruturação pode contribuir para sucesso