Estima-se que, por ano, os paulistanos passem um mês e meio parados no trânsito. Segundo dados da Firjam, isso pode representar um prejuízo de R$ 53,4 bilhões para a cidade de São Paulo. O preço pago por conta dessa realidade proporciona desde transtornos relacionados à qualidade de vida até prejuízos para os negócios, gerados pela dificuldade logística e o excesso burocrático ainda presente no Brasil. Atentos a essa problemática, muitos apps oferecem soluções logísticas aliadas à tecnologia para driblar os congestionamentos e facilitar o cotidiano da população, colaborando para melhorar a rotina caótica e contribuir para a economia das metrópoles. [read more=”Continuar lendo…” less=”Menos”]

Além disso, essa estratégia também está alinhada aos novos perfis de consumo e exigências em relação à prestação de serviços. Até 2025, os Millennials, jovens nascidos entre os anos 1980 e 2000, devem representar aproximadamente 75% da força de trabalho, segundo a consultoria Deloitte. Para o mercado, isso representa uma forte mudança no perfil de consumidor: aquele que opta pelo máximo de conveniência com o menor preço. A chamada “economia da conveniência” é um movimento liderado por esses jovens que buscam excelência de serviços – e isso inclui agilidade, um grande desafio nas grandes cidades.

Confira abaixo os aplicativos que facilitam a rotina dos grandes centros – e até fora deles:

Pelo fim da papelada
Um caso interessante é o da Loggi, plataforma digital de entregas expressas, que atende mensalmente mais de um milhão de pedidos para pessoas físicas, empresas, e-commerces, pequenos comércios e restaurantes. Ao adotar protocolos digitais em seu sistema, o app eliminou cerca de 40% de entregas extras feitas apenas para este tipo de retorno, evitando percursos desnecessárias no trânsito das maiores capitais do país – sem contar na economia para os consumidores que solicitam os trajetos.

Além disso, a partir do sistema da Loggi, o entregador sempre terá seu primeiro ponto de entrega próximo a ele. Em média, o mensageiro está a somente cerca de 1km de distância do ponto de coleta, ou seja, viagens para o outro lado da cidade apenas para começar o serviço não existem mais como antigamente.

Transporte coletivo e carona
Para quem utiliza transporte público, uma solução é o aplicativo Moovit. Disponível para iOS, Android e web app, ele é um planejador de viagens que oferece informações atualizadas, como horário e opções de trajeto, cruzando diferentes meios de transporte (ônibus, trem, metrô, bonde, etc) em mais de 1.500 cidades ao redor do mundo. Com uma base de mais de 90 milhões de usuários – distribuídos em 78 países – e disponível em 43 idiomas, o Moovit oferece ao usuário a oportunidade de programar seu trajeto por rotas mais curtas e rápidas.

Ainda este ano, a plataforma lançou em São Paulo um recurso de compartilhamento de carona que une passageiros e motoristas com rotas comuns a fim de otimizar o tempo de percurso dentro da cidade. Trata-se do Moovit Carpool, uma opção para complementar o serviço gratuito de rotas via transporte público já oferecido pelo app.

Diminuindo o trânsito com pequenas ações
Outro aplicativo que busca conectar pessoas e trajetos, mas desta vez, no meio de grandes cidades como São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte é o bynd, uma solução de caronas corporativas que proporciona momentos de networking e descontração entre os colaboradores de uma mesma empresa na ida ou na volta do escritório tornando o trânsito das cidades mais agradável e seguro.

Por ser contratado como uma política de mobilidade para os funcionários das corporações, o bynd não realiza cobranças de taxa de serviço entre os usuários e além disso, incentiva os usuários por meio de jogos e pontos em programas de fidelidade, possibilitando que os usuários troquem os pontos acumulados com as caronas por prêmios e passagens aéreas.

Para além das metrópoles
Com uma plataforma que media caronas pelas cidades do Brasil e do mundo, o BlaBlaCar já compartilhou um milhão de assentos em suas caronas, o equivalente a dois lugares por minuto, percorrendo 85 milhões de quilômetros. Isso significa que seus membros deixaram de emitir um milhão de toneladas de CO2 no mundo todo nos últimos 12 meses.

Além de contribuir para o meio ambiente, o objetivo do app é conectar passageiros para divisão de despesas e uma experiência melhor de viagem como um todo.

 

[/read]

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA