NOVIDADES

Lei contra LGBT une mais de 80 CEOs de empresas em protesto

by 30 de março de 2016 0 comments

Uma polêmica lei aprovada na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, uniu mais de 80 dos principais executivos de do mundo em ato de protesto, vários deles de tecnologia. A nova regra é na verdade uma retirada de direitos conseguidos ao longo de anos pelos gays, bissexuais lésbicas e transgêneros. Com isso o público LGBT perde o direito de serem tratados como cidadãos comuns.

A House Bill 2 já teve duras críticas durante a semana. As empresas de entretenimento Marvel e Disney disseram que deixarão de fazer produções cinematográficas naquele estado americano. Vários grupos de direitos humanos e causas LGBT têm realizado manifestações e ganhado simpatizantes nessa luta contra o preconceito.

Ontem, Tim Cook, Jack Dorsey e Mark Zuckerberg, respectivamente CEOs da Apple, Twitter e Google uniram-se à briga, tomando partido em uma causa social que vem ganhando espaço no mundo dos negócios e no ramo da tecnologia que tem crescido com a nova onda digital. Juntos, eles assinaram uma carta de repúdio à HB2. Eles somaram-se a mais de 80 outros líderes de negócios que já apoiam a causa e criticam o governo da Carolina do Norte.

A legislação aprovada na quarta-feira passada, 23 de março, e Governador McCrory assinou a lei nessa mesma noite. A carta deve ser entregue na quinta-feira desta semana por…[LEIA MAIS]

 

Pages: 1 2

No Comments so far

Jump into a conversation

No Comments Yet!

You can be the one to start a conversation.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.