A MediaTek anunciou o lançamento do Helio P90, SoC (sistema em um chip) que apresenta a APU 2.0, sua nova geração de arquitetura de inteligência artificial para intensificar o processamento de IA. [read more=”Continuar lendo…” less=”Menos”]

A APU 2.0 é uma arquitetura de IA que permite oferecer um novo nível de experiência quatro vezes mais potente que a oferecida pelos chipsets Helio P70 e Helio P60. Ela ajuda os usuários a realizarem tarefas intensivas de inteligência artificial com resultados mais rápidos e precisos, além de ampliar o tempo de bateria do dispositivo.

“O Helio P90 oferece aos fabricantes de dispositivos a possibilidade de fornecer excelentes recursos de câmera, maior duração de bateria, desempenho e recursos avançados de inteligência artificial, além de tornar os dispositivos acessíveis aos consumidores do mercado de consumo em larga escala”, afirma TL Lee, gerente geral da unidade de comunicação sem fio da MediaTek. “O Helio P90 oferece desempenho ultrarrápido e várias melhorias na câmera proporcionadas por tecnologia de inteligência artificial. Este chip irá redefinir a ideia do consumidor sobre o que um smartphone pode fazer e inaugurar uma nova era de fotografia de resolução superalta de smartphones para o mercado”.

Sua estrutura conta com sistema octa-core desenvolvido com dois processadores Arm A75 que operam em até 2,2 GHz e seis processadores A55 que operam em até 2,0 GHz. Possui GPU PowerVR GM 9446 da Imagination Technologies.

A mais nova tecnologia CorePilot da MediaTek também garante processamento mais eficiente em seus núcleos. Isso significa que o Helio P90 oferece aos usuários o mais alto desempenho sustentável com operação de baixo consumo de energia, combinando duração da bateria e potência sob demanda.

Ele permite experiências de IA mais rápidas, complexas e dinâmicas, como a detecção de poses humanas, recurso que pode acompanhar e analisar os movimentos do corpo. Também pode ser usado com o Google Lens, detecção facial de aprendizagem profunda, embelezamento em tempo real, identificação de objetos e cenas, realidade artificial (RA) e aceleração de realidade mista (RM), além de outros recursos em tempo real para fotos e vídeos.

Os desenvolvedores e fabricantes de dispositivos podem criar aplicativos inovadores de IA com o Helio P90 usando frameworks comuns como o TensorFlow, TF Lite, Caffe e Caffe2, com base no NeuroPilot SDK, da MediaTek, que é totalmente compatível com a API de redes neurais do Google Android (Android NNAPI).

O Helio P90 permite fazer os melhores registros em fotos com a câmeras de 48MP ou câmeras duplas de 24+16 MP, oferecendo aos consumidores os recursos mais avançados de fotografia para smartphone. Os usuários podem fazer registros em 48MP com até 30 quadros por segundo (FPS) com delay zero do obturador, ou usar o recurso de câmera lenta em 480FPS em HD para registrar todos os momentos.

A MediaTek traz uma revolução na resolução das imagens com processadores de sinal de imagem (ISPs) triplos mais modernos, capazes de processar RAW de 14 bits e YUV de 10 bits, para que os fãs de fotografia tenham flexibilidade ainda maior para registrar e processar fotos incríveis.

O novo motor IA ISP, especialmente desenvolvido para fornecer experiências de câmera inteligência artificial, pode detectar com precisão rostos e cenas em tempo real em condições de movimento e pouca luz, facilitando os registros para usuários de qualquer nível de habilidade.

O Helio P90 pode ser usado com cartão SIM duplo VoLTE 4G LTE WorldMode com modem rápido Cat-12 (DL) / Cat-13 (UL) 4G LTE. Também opera com 2×2 802.11ac e Bluetooth 5.0.

Ele deverá estar disponível globalmente em smartphones no primeiro trimestre de 2019.

 

[/read]

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA
MediaTek lança Helio P90, com foco em IA e fotos em alta resolução nos smartphones

 

Veja também
MediaTek lança Helio P60, primeiro chipset com inteligência artificial
MediaTek anuncia novas soluções para conectar casas e escritórios à Internet das Coisas
82% dos brasileiros costumam jogar em smartphones