A Black Friday nasceu nos Estados Unidos e é lá que os consumidores conseguem aproveitar as melhores ofertas. No entanto, especialistas alertam que…[read more=”Continuar lendo…” less=”Menos”]

…não vale a pena programar uma viagem internacional apenas para aproveitar o dia de promoções. Sendo assim, como os brasileiros podem usufruir dos descontos reais mesmo sem viajar?

Para quem deseja comprar na sexta-feira de ofertas em poucos cliques e com segurança, uma aposta é usar a tecnologia. O app Grabr, por exemplo, conecta compradores a viajantes e permite acesso a produtos do exterior com facilidade de compra e entrega em até 20 dias (média).

Segundo Michele Chahin, gerente de marketing da Grabr, durante a Black Friday os descontos podem chegar a 60% por meio do aplicativo. “Na Black Friday os pedidos no Grabr sobem 140%, os brasileiros são um dos que mais compram e ficam em segundo no ranking de pedidos na plataforma”, afirma.

Brinquedos e eletrônicos são os “queridinhos” dos compradores brasileiros
De acordo com dados do Grabr, a procura por brinquedos só cresce no aplicativo, sendo que o segmento liderou o número de pedidos no último trimestre. Na última Black Friday os produtos mais pedidos foram o de eletrônicos, seguido pelos brinquedos – em que a economia pode ser de 70%. “Os eletrônicos são os primeiros colocados, mas temos notado um crescimento muito grande de procura por brinquedos”, afirma Michele.

 

[/read]

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA

Veja também
Ticket médio do brasileiro será mais de R$ 800 na Black Friday 2018
Sete plataformas para encontrar os melhores descontos na Black Friday
Inovações para o varejo são apostas de startups para alavancar o negócio