Home Cultura Saiba como identificar os sinais de um AVC e o que fazer

Saiba como identificar os sinais de um AVC e o que fazer

Entenda os sinais da doença que atinge cerca de 17 milhões de pessoas por ano no mundo

O Acidente Vascular Cerebral (AVC), popularmente conhecido como “derrame” é a segunda maior causa de mortes no mundo, podendo acometer uma a cada quatro pessoas em idade adulta durante a vida. Os dados são da Organização Mundial da Saúde (OMS), que alerta principalmente para a prevenção sobre os sintomas e tratamentos da doença.

Ainda de acordo com o órgão, a cada 6 segundos alguém e cometido por um AVC no mundo, o que representa cerca de 17 milhões de pessoas por ano, que podem ficar com diferentes sequelas ou até mesmo ir a óbito. Na semana em que é celebrado o Dia Mundial de Combate ao AVC (sexta-feira, 29), a Unidade de Pronto Atendimento 24h (UPA) Zona Leste, localizada em Santos (SP), alerta para os principais sintomas da doença e os cuidados de prevenção.

“O AVC pode afetar diferentes áreas do cérebro e trazer sequelas motoras, como paralisação dos movimentos ou dificuldades para andar e falar, por exemplo. Além disso, pode impactar na compreensão e reconhecimento, prejudicando inclusive a memória”, explica a médica Gisele Abud Nicolau.

A doutora destaca que existem diferentes tipos de AVC e diversas possibilidades de tratamento. “A maioria dos casos são do AVC do tipo isquêmico, quando acontece a obstrução ou entupimento de uma ou mais veias no cérebro”, explica. A especialista alerta ainda que o tempo é essencial nos casos da doença “é importante identificar o mais rápido possível os sintomas, pois após a realização dos exames o fluxo da área isquêmica pode ser restabelecido e as sequelas minimizadas”, diz.

Entre as estratégias de prevenção, Gisele ressalta os cuidados com os fatores de risco, como o sobrepeso, tabagismo, consumo de álcool, falta de exercícios físicos e má alimentação. Além da prevenção, saber identificar os primeiros sinais de um AVC pode contribuir para evitar mortes e reduzir a possibilidade de sequelas.

É importante que todos possam reconhecer os principais sinais do AVC, que pode ser feito com quatro medidas simples, que seguem a abreviação S.A.M.U. Esses passos podem salvar muitas vidas e evitar sequelas profundas.

Quais os sinais de um AVC com base no método SAMU?
Sorria: Peça para a pessoa dar um sorriso, caso um dos lados da face entorte ou paralise, é provável que seja um AVC;
Abrace: Veja se a pessoa consegue levantar os dois braços, se um deles cair, pode ser outro sintoma;
Música: Incentive a pessoa a repetir uma frase de uma música preferida, se ela não conseguir pronunciar corretamente, pode ser mais uma indicação da doença;
Urgente: Caso tenha identificado alguns dos sintomas, busque ajuda de um profissional médico imediatamente. Entre os serviços públicos de emergência está o telefone 192, para remoção de pacientes.

Conheça as medidas de prevenção ao AVC
– Atenção com o colesterol: É importante reduzir a quantidade de alimentos ricos em LDL (conhecida como colesterol ruim, e que se deposita nos vasos sanguíneos);
– Controle do Diabetes;
– Controle do peso corporal: Mantenha o peso saudável para a sua idade e altura, evite o acúmulo de excesso de gordura no corpo. Consulte um médico para saber qual é o seu peso ideal;
– Evite fumar e cuidado com as drogas: Estudos mostram que o tabaco favorece consideravelmente as chances de um AVC. As drogas ilícitas, como a cocaína, alteram drasticamente o fluxo sanguíneo no organismo, podendo provocar a doença;
– Mantenha uma alimentação equilibrada: Reduza o consumo de açúcar, gorduras, sal e bebidas alcoólicas. Modere o consumo de sódio (para pressão alta);
– Pratique exercícios: O exercício contribui para o controle da pressão arterial, melhora as taxas de colesterol e glicose, além de melhorar a qualidade do sono e reduzir o estresse. A prática regular de exercícios aeróbicos, está diretamente ligada à redução do risco de ter AVC.

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA

Mitos e verdades sobre o refrigerador side by side da Samsung, com três portas
Previous articleSer Educacional faz parcerias com Google e IBM para acelerar capacitação de profissionais de TI
Next articleConfira quatro mitos e verdades sobre a lei que segue impactando o mundo empresarial