NOVIDADES

Associação vai ranquear prefeituras amigas da bicicleta


by 26 de janeiro de 2015 0 comments

Prefeituras que valorizam o uso da bicicleta como meio de transporte alternativo serão incluídas no Ranking das Administrações Municipais Cicloamigas (RAMC), lançado pela União de Ciclistas do Brasil (UCB). A proposta do órgão é reunir e divulgar boas práticas em municípios brasileiros sobre a ciclomobilidade.

O ranking será divulgado anualmente e terá como base 21 indicadores voltados ao uso da bicicleta, à frota e à população da cidade. Consolidam critérios relacionados à infraestrutura, recursos humanos, planejamento, promoção e informação.

“O RAMC serve tanto para divulgar as boas iniciativas que estão sendo realizadas pelo Brasil como para cobrar o poder público municipal que não tem levado a ciclomobilidade a sério. Além disso, em longo prazo vai ser possível ter uma visão mais abrangente das políticas municipais em relação à bicicleta. Em suma, uma ferramenta indispensável para o fomento de uma mobilidade sustentável”, afirma Luís Patrício, integrante da UCB e um dos idealizadores do projeto.

O projeto tem DNA colaborativo. Ciclistas e pessoas interessadas no tema poderão participar na alimentação da base de dados que será consolidada quando a UCB tiver informações de uma cidade por estado, no mínimo.

A página do projeto oferece planilha com indicadores para serem preenchidos – acesse aqui. A união também ajuda os cidadãos a solicitarem dados de seus municípios junto à prefeitura via Lei de Acesso à Informação.

Cidades que respeitam ciclista
Mais de 25 cidades brasileiras foram avaliadas na segurança viária oferecida ao ciclista e ao pedestre e Curitiba liderou o ranking com nota média de 5,4, numa escala de 1 a 10. Entre as 13 capitais que oferecem melhor sinalização dirigida a ciclistas, São Paulo é a quarta colocada. Os dados são da campanha Sinalize, promovida pelo portal Mobilize Brasil.

A capital fluminense ficou em segundo lugar. Na avaliação da sinalização que não é voltada aos veículos motorizados, a cidade recebeu média de 4,6. Porto Alegre é a terceira, com média 4,2. Manaus (AM) recebeu a pior avaliação, com nota média de 0,7. Palmas não está na relação.

Veja o ranking e as notas das 13 capitais brasileiras avaliadas no levantamento:

Curitiba (PR) – 5,4

Rio de Janeiro (RJ) – 4,6

Porto Alegre (RS) – 4,2

São Paulo (SP) – 3,8

Belo Horizonte (MG) – 3,6

Recife (PE) – 3,3

Brasília (DF) – 2,5

Natal (RN) – 2,5

Salvador (BA) – 2,1

Cuiabá (MT) – 1,9

Maceió (AL) – 1,6

Fortaleza (CE) – 1,3

Manaus (AM) – 0,7

No Comments so far

Jump into a conversation

No Comments Yet!

You can be the one to start a conversation.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.