NOVIDADES

Atados apresenta análise sobre o voluntariado no Brasil

Atados apresenta análise sobre o voluntariado no Brasil

by 13 de dezembro de 2017 0 comments

A partir de um sonho de quatro jovens universitários, interessados em empreender, mas também em promover impacto social positivo na sociedade, surgiu o Atados, materializada em uma plataforma online que conecta voluntários a oportunidades de engajamento social. Já são cinco anos de atividades, com mais de 70 mil usuários cadastrados para…[read more=”Continuar lendo…” less=”Menos”]

…apoiar mais de 1200 ONGs. Empresas também entraram na história para apoiar o voluntariado através de seus programas corporativos.

Acreditamos que muito ainda precisa ser feito, pois pesquisas apontam que uma parcela pequena da sociedade brasileira pratica voluntariado. Dados que chegam até a 20% dos brasileiros, como o Índice Mundial de Solidariedade aponta. Mais importante que essas informações, estimulamos as pessoas a começarem de alguma forma – e nossa plataforma facilita o voluntariado perto de casa ou em sua empresa, no oferecimento de habilidades que a pessoa já possui, à distância ou presencialmente, em várias áreas de atuação.

Estimulamos o voluntariado porque é uma forma que toda a sociedade tem de se envolver com os seus próprios problemas e enxergar as histórias que há por trás da falta, da negação de acessos. Apesar de muitos se interessarem pelo trabalho voluntário para se sentir úteis, ou seja, tem a ver com um movimento de busca pelo conforto do seu próprio ego, o voluntariado pode ser uma oportunidade real de ouvir, conhecer, trocar vivências e de colaborar realmente com soluções: sejam elas aparentemente pequenas ou muito difíceis.

Queremos mudar essa cultura simples de fazer o bem para se sentir alguém e para descansar a consciência. Vemos nesses encontros que temos com movimentos de luta pela infância, pela educação, de combate a pobreza, pela moradia e tantas outras causas, uma forma de compreender essas realidades e colaborar para esses movimentos que voluntariamente, por questão de sobrevivência também, lutam para transformar profundamente o nosso olhar pela cidade diante das desigualdades. Analisando dados de 11 mil usuários da plataforma do Atados, notamos que a causa da infância e adolescência é a preferida dos voluntários com 13,1%. A preocupação com a educação também está presente com 11,6% de interessados no tema. Em sua maioria, os voluntários têm idade entre 18 e 34 anos, sendo que nas regiões metropolitanas de Florianópolis e São Paulo, quase a metade tem idade entre 25 e 34 anos.

Estes dados mostram como o voluntário é uma pessoa atenta às urgências de nossa sociedade. São pessoas que passam a enxergar e entender outras realidades, notando e respeitando pessoas que vivem em contextos diferentes. Além disso, em seu dia-a-dia, esta pessoa passa a se relacionar melhor com seus familiares, amigos e colegas de trabalho. Segundo a pesquisa “Além do Bem”, do Santo Caos, por exemplo, profissionais que praticam o voluntariado são 16% mais engajados em seu trabalho.

Nos últimos anos, houve uma transformação do voluntariado no Brasil, mas que ainda precisa ser melhor esclarecido, pois parte da sociedade ainda enxerga o tema apenas como assistencialismo. Mais que isso, atualmente o voluntariado é uma troca de experiência e realidade entre quem pratica e quem será beneficiado. No final, toda a sociedade ganha.

[/read]

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA

 

No Comments so far

Jump into a conversation

No Comments Yet!

You can be the one to start a conversation.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.