Fabricante AOC dá dicas para escolher o cabo adequado para conexão

Com tantas opções atrás da TV, qual a diferença entre todos aqueles cabos e para que servem tantas conexões? Para tirar todas as dúvidas preparamos um pequeno guia sobre os usos e possibilidades de cada conector para tirar o melhor proveito dos equipamentos eletrônicos.
HDMI – O cabo mais utilizado atualmente é o HDMI (Interface de multimídia de alta-definição) que oferece resoluções em até 1080P, ou seja, o padrão de resolução das telas Full HD. Este cabo é uma entrada digital que possui, através de um único cabo, qualquer formato de vídeo ou PC e possuindo até 8 canais de áudio. O Blu-Ray, sucessor do aparelho de DVD por exemplo, possui o HDMI como entrada principal. Outros equipamentos que podem ser conectados via HDMI são notebook e receptores de TV paga com resolução HD.
Vídeo Composto, ou RCA – São aqueles cabos coloridos, que vêm em grupos de três, sendo dois de áudio, um vermelho e um branco, e um de vídeo, na cor amarela. Esta conexão é muito usada para DVDs e equipamentos que não apresentam alta resolução. Ele pode ser usado para TV a cabo também, apesar de entregar apenas sinal analógico e não digital.
Vídeo componente – Similar ao anterior, também funciona com um grupo de cabos, mas neste caso, eles transmitem apenas vídeo. A grande diferença entre os dois é que, enquanto o vídeo composto compacta a imagem em apenas um canal, o vídeo componente divide o sinal em três (dois para cores e um para luminância). Existe uma grande vantagem para a imagem, que apesar de também ser analógica, chega ao monitor com mais qualidade. Neste caso, o áudio deve ser conectado via entrada AV, a mesma que seria usada no vídeo composto, excluindo o cabo amarelo.
Coaxial – Quem é das antigas se lembra bem deste tipo, pois ele era o responsável por ligar a antena externa (para captação de sinal aberto de TV) ou a TV a cabo nos modelos mais antigos. Hoje ele geralmente se conecta ao receptor da TV por assinatura, o que acontece também com o receptor do sinal digital de TV aberta. O cabo coaxial é responsável por transmissões com muita estabilidade e a principal vantagem que oferece é a qualidade, que não sofre com problemas de interferência.
VGA – Mais usado para conectar o computador ao monitor, o “Video Graphics Array” é um padrão criado pela IBM, que também pode ser encontrado em alguns modelos de TV. É o único capaz de reproduzir maior quantidade de cores (até 256) e suportar a resolução de 640×480 pixels. Sua desvantagem é transmitir apenas vídeo, sendo necessária outra conexão para o áudio.
DisplayPort – É considerado o grande concorrente do HDMI, por ser um padrão digital criada em 2006 e atualizada em 2008, quando passou a suportar a resolução máxima de 2560 x 1600 pixels para cabos de até 3 metros.