Home Cultura POP Dia Mundial do Café: conheça os benefícios da cafeína

Dia Mundial do Café: conheça os benefícios da cafeína

café

Muito popular no país, a bebida é usada como fonte de energia, para aumentar a disposição e até como termogênico natural graças ao seu principal ingrediente, que confere à ela essas potencialidades: a cafeína. [read more=”Continuar lendo…” less=”Menos”]

Os efeitos da cafeína no nosso organismo são muitos já comprovados pela ciência. A mais nova boa notícia vem da Declaração do Consenso ICO – Consensus Statement on Sports Nutrition, publicada neste ano (2018), que evidenciou a eficácia e segurança do uso de suplementos alimentares para atletas de alto rendimento, entre eles, a cafeína. Classificada segundo o documento como um recurso ergogênico comprovado para a melhora da performance no esporte, a cafeína pode ser consumida de diversas formas na rotina do atleta.

Efeitos benéficos da cafeína no nosso organismo também são atestados por outros órgãos de renome internacional, como a European Food Safety Authority (EFSA). Um recente estudo da EFSA (2017) atesta que, a ingestão de até 5,5 mg de cafeína por kg de peso é segura para adultos saudáveis, não conferindo efeitos adversos. Segundo o cálculo feito pelo órgão, a ingestão de até 400mg de cafeína por dia é segura para adultos saudáveis, independente da fonte de cafeína.

A nutricionista Fernanda Seiffer aponta alguns dos benefícios do consume moderado da cafeína:

– Melhora do estado geral de cansaço físico e mental;

– Melhora no desempenho mental e estado de alerta (reflexos);

– Auxílio na memória;

– Melhora da concentração e do estado de alerta;

– Melhora no desempenho nas atividades físicas;

– Efeito termogênico, que acelera o metabolismo (transforma a gordura em fonte de energia);

– Efeito neuroprotetores;

– Melhora do humor.

Ainda de acordo com a nutricionista, a cafeína é um substrato natural que pode fazer parte de uma dieta saudável e de um estilo de vida ativo. Versátil, está presente em diversas outras fontes de consumo, que podem ser alternativas saudáveis e seguras para quem não tem o hábito de consumir café ou não gosta da bebida.

Veja algumas dicas de bebidas e alimentos ricas em cafeína:

– Chás (especialmente chá preto, chá mate; chá verde);

– Bebidas à base de cola e guaraná;

– Cacau e chocolate;

– Bebidas energéticas.

“No caso das bebidas energéticas, por exemplo, elas ainda trazem em sua composição carboidratos, taurina e vitaminas do complexo B. A interação destas substâncias auxiliam na capacidade de concentração e na velocidade de reação, contribuindo para um melhor estado de alerta e para a resistência física e na melhora o bem-estar”, explica a nutricionista.

Ainda de acordo com a nutricionista, é preciso ter atenção com o consume moderado: “uma lata de 250 ml contém a mesma quantidade de cafeína (80 mg) que uma xícara (60 ml) do nosso bom e velho cafezinho expresso”,finaliza.

[/read]

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE DO VIDA MODERNA
Dia Mundial do Café: conheça os benefícios da cafeína

 

Veja também
7 mitos e verdades sobre o café
Conheça os mitos e verdades sobre chopes
Festival da Sopa: mantenha-se aquecido neste friozinho

Previous articleO fim do comércio eletrônico
Next articleFinal brasileira do maior campeonato de breakdance do mundo será disputada em junho em SP